Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

DCPPO (Documento de Circulação Provisório de Porte Obrigatório)

Acessar o serviço

O que é?

Imprima o Documento de Circulação Provisório de Porte Obrigatório (DCPPO) do seu veículo, via Central de Serviços do DetranRS. Uma vez impresso, pode ser utilizado em caráter temporário (por no máximo 15 dias), até que liberado o documento de licenciamento, o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). O DCPPO tem validade somente no território do Estado do Rio Grande do Sul.

Pré-Requisitos

Somente será emitido quando não existir impedimento para a emissão do CRLV e este já tiver sido solicitado. O DCPPO ficará apto para impressão por até 15 dias.

Forma de Solicitação

Pela internet:

  1. Acessar a Central de Serviços do DetranRS e fazer o cadastro ou o login;
  2. Na seção “Meus veículos”, clicar no menu “Consultas adicionais”;
  3. Para os veículos aptos a emissão do documento, irá aparecer o botão pra a emitir o DCPPO;
  4. Após gerado o arquivo, ele poderá ser salvo pelo proprietário do veículo para impressão. 
Presencialmente, num posto de atendimento do DetranRS:
  1. Compareça ao CRVA (Centro de Registro de Veículos Automotores) de sua escolha e apresente os documentos necessários;
  2. Efetue o pagamento da taxa de emolumento no próprio CRVA (Centro de Registro de Veículos Automotores);
  3. Retire o DCPPO no próprio CRVA (Centro de Registro de Veículos Automotores).
Observação: logo após a geração eletrônica do documento de circulação do veículo pelo DetranRS, o proprietário já pode imprimir o CRLV, ou baixar a sua versão digital.

Documentos Necessários

Para apresentar no CRVA:
  • Requerimento formal do proprietário do veículo, do arrendatário do mesmo ou do representante destes;
  • Documento de identificação do proprietário do veículo e cópia;
  • CPF (caso este não conste no documento de identificação) e cópia;
  • Comprovante de residência: conta de luz, água, gás, telefone, rede de internet, TV por assinatura ou condomínio do último mês (esses docs podem estar em nome de outra pessoa com quem você resida; nesse caso, você fará uma declaração por escrito e assinada no corpo do documento, informando que reside nesse endereço e indicando seu grau de relacionamento com a pessoa que figura como destinatário); contrato de locação em que você seja o locatário; Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral de CNPJ, emitido no site da Receita Federal do Brasil; Recibo de entrega do Imposto de Renda.

Prazo

O DCPPO tem validade enquanto não for disponibilizado o CRLV, até o prazo máximo de 15 dias, e somente no Estado do Rio Grande do Sul.

Quanto custa?

A geração do documento para impressão pela Central de Serviços do DetranRS é gratuita. Se o serviço for feito no CRVA, haverá a cobrança da taxa de emissão de DCPPO, no valor de R$ 10,10.

Onde Fazer?

Pela internet, na Central de Serviços do DetranRS, ou em qualquer CRVA (Centro de Registro de Veículos Automotores).

DetranRS - em defesa da vida